https://www.facebook.com/ http://pensador.uol.com.br/colecao/masgalos/

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Encontro com a Alma- Gemea

Encontrar a nossa Alma-Gémea é uma realidade possível de ser vivida. As energias que um reconhecimento de Alma-Gémea fazem despontar podem ser de tal modo grandiosas, que se não soubermos canaliza-las da melhor forma, de modo a equilibra-las, poderemos ficar completamente destroçados. Não que um reencontro do género seja negativo, ele é muito positivo, poderá é não suceder para os fins que o ser humano mais anseia. 

A realização de um relacionamento perfeito. Por vezes tal encontro sucede para fazer com que um dos dois desperte para o que até então estava adormecido. Poderá suceder que antes ou depois desse encontro um dos dois ou ambos passem por transformações, realizações e confrontos com decisões de âmbito diversificado. Um reconhecimento de Alma-Gémea por si só, faz estremecer nosso mundo por completo, força-nos a reavaliar nossa existência e se não houver consumação de relacionamento, poderá tornar-se algo muito difícil de suportar. Será como ter uma jóia muito preciosa ao alcance de nossas mãos, bastando querer para a tomarmos como nossa, mas, então cometemos um pequenino erro, tomados pela cegueira de nosso intenso desejo, esquecemos por completo que o outro também terá de querer, de estar pronto e liberto para usufruir dessa mesma jóia preciosa. 

Muito dificilmente um relacionamento de Alma-Gémea poderá ser consumado, caso um dos dois se encontre num nível de consciência inferior ao do outro. Neste caso, apenas um poderá fazer o reconhecimento, enquanto o outro provavelmente nem se ira dar conta, apenas vindo a aperceber-se mais tarde, ou mesmo nunca, caso não evidencie esforços para se tornar merecedor dessa realidade. Alguns destes encontros poderão ter sido pre-determinados a suceder numa altura estabelecida por ambos antes da reencarnação, se algum dos dois não se preparou devidamente, se não conseguiu atingir um dos requisitos mais importantes, que é o de elevar o seu nível de consciência, este encontro ao dar-se, poderá não surtir o efeito desejado e conveniente para ambos, e é aqui que o perigo de suceder um desequilíbrio se torna um perigo eminente. 

Todo aquele que acredita na existência da Alma-Gémea, sentindo no mais profundo de seu âmago, é o que veio com o propósito de viver esse reencontro, e quando assim é, sentimos constantemente o apelo do outro. Não há forma de determinar se existirá ou não na nossa vida a possibilidade de um encontro de Almas-Gémeas. Por vezes, poderemos receber um aviso através de um sonho, um sonho que nos demonstra que pode estar ao nosso alcance um Amor tão intenso e verdadeiro quanto este, mas nunca será determinado um tempo preciso para acontecer. Mas, um sonho do género pode nos imbuir de toda a esperança e fé que necessitávamos para nos tranquilizar-mos, fazendo-nos sentir profundamente que na altura certa ele realizar-se-á. 


Marsol